A Mulher Maravilha Real

Tempo de Leitura: 02 minutos


Mães, irmãs, filhas, funcionárias, donas de casa, empreendedoras, esposas, mulheres

O que é realmente ser SUPER hoje em dia?

O contexto feminino

Sabemos que a modernidade trouxe para a nossa vida cobranças, correrias que antes não existiam no mundo feminino… parece que o dia é insuficiente para tudo o que precisamos fazer.

E assim ficamos, muitas vezes, nos perguntando: “será que temos conseguido desempenhar com perfeição tudo o que precisamos?

É cobrado que a mulher adeque todos os seus papéis, que se acumulam cada dia mais, perfeitamente. Mas isso é possível?

Eu estava conversando exatamente sobre isso ontem. A impressão que temos é de não sermos suficientes, não é?

Quando conseguimos ser mãe, deixamos a desejar no cuidado com a casa, ou com a profissão. Quando conseguimos ser excelentes profissionais parece que não desempenhamos tão bem a função de filha, ou esposa, ou ainda de amiga. E assim corremos tanto e não conseguimos suprir tudo o que é exigido de nós.

Nós somos exigidas, mas também nos exigimos, às vezes.

Mulher perfeita?

Acredito que a Mulher Maravilha não é perfeita. Não é a que executa seus papéis sem deixar a desejar em nenhum aspecto. Porque isso não é possível. Mas é aquela que reconhece suas limitações. Entende que precisa cuidar dela também, e em alguns momentos, antes mesmo de outras coisas, para que esteja emocionalmente equilibrada para lidar de forma satisfatória com as demais coisas.

Talvez precisemos pegar mais leve a gente mesmo, respeitar nossos limites. Fazer um planejamento que não exija de nós o que qualquer ser humano não conseguiria entregar.

Ir com calma, ignorar cobranças externas e silenciar as internas.

Mulheres Maravilhosas são incríveis e comuns, que buscam dar o seu melhor em suas vidas. Admiradas por sua coragem e garra. Sua incessante vontade de continuar não importa o que for. Mas não porque são perfeitas. São Maravilhosas simplesmente porque querem viver tudo o que a vida pode lhes oferecer da melhor forma possível.

Não se cobre demais, aproveite o que a vida lhe oferece e busque novas oportunidades, respeitando os seus limites.

Você está se sentindo sufocada em milhares de coisas que precisa fazer e não consegue? Talvez a psicoterapia pode te ajudar a se organizar melhor na prática e de forma emocional e psicológica.

Vamos Conversar? 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *